Novo Minério transforma luz solar, calor e movimento em energia elétrica

Atualizado: Jan 3


A tecnologias para energia renovável acaba de ganhar um reforço de peso, vindo de cientistas cientistas da Universidade de Oulu, na Finlândia. E o melhor: A expectativa é que o mineral já esteja pronto para ser comercializado em 2018.

A descoberta reforça a percepção de muitos de que todas as soluções para o futuro da humanidade estão em nosso próprio planeta. E que vivemos o início de uma era onde iremos ampliar toda sabedoria e tecnologias para regeneração do planeta.

A descoberta do minério chamado KBNNO, classificado como um tipo de cristal e pertencente a família Peroskvita, tipos raros de minérios capazes de produzir energia elétrica utilizando apenas uma ou duas fontes específicas surpreendeu a comunidade científica do mundo (os painéis solares são produzir com eles por exemplo). E o motivo da surpresa é a polivalência do KBNNO, pois ele é o único minério descoberto na Terra (até o momento) capaz de produzir energia a partir de todos os estímulos possíveis (luz, pressão, movimento e calor). E tudo ao mesmo tempo!

COMO FUNCIONA


Inversão dos polos magnéticos do KBNNO por luz, pressão, movimento ou calor é o motivo da geração de energia.


De acordo com os pesquisadores da universidade, e a publicação do Applied Physics Letters, o KBNNO é um “material ferroelétrico” com moléculas polares, ou seja, que funcionam como as agulhas de uma bússola reproduzindo o polo sul e o Norte ao redor de si.

Quando são estimuladas por algum fator físico, como raios solares ou pressão, por exemplo, esses polos acabam se desalinhando – o que desencadeia uma corrente elétrica.

APLICAÇÕES POSSÍVEIS E DESAFIOS

Sabemos que os cristais são amplamente utilizados em todos os equipamentos eletrônicos e possuem ampla relação com o armazenamento e transmissão de informações.E que inclusive, você ja viu no post “Por Dentro do Cérebro: Tudo que você precisa saber sobre a Glândula Pineal“, que possuímos cristais de apatita no interior do nosso cérebro. Desta forma, o KBNNO, pode ser uma alternativa para produção de baterias para celulares, tablets e diversos equipamentos eletrônicos. Além disso pode representar um modo alternativo de carregar aparelhos elétricos, sem depender unicamente de uma fonte energética.

Atualmente utilizamos o Lítio como principal minério para produção de baterias. Porém, esse fato é um grande problema, pois trata-se de um minério não renovável e que sua principal reserva está no Afeganistão. Não podemos substituir o petróleo por outro recurso escasso. (Veja mais em: “EUA revelam reservas de cobre e lítio de US$ 1 tri no Afeganistão, diz jornal

O único empecilho dessa nova descoberta seria a eficácia da produção de energia, que é menor em comparação com outros minérios da família perovskitas especializados, como a de células solares – que já são usadas em tecnologias de captação de luz. Mais baratas, já bateram o recorde de eficiência, passando de 3,8% de conversão de eletricidade em 2009, para 25,5% em 2016. Mas, enfrentam um problema natural: e quando não há luz do Sol? Com o KBNNO não haveria esse problema, pois funcionaria com outras fontes além do sol.

Os estudos estão apenas iniciando. Os cientistas acreditam que se encontrarem a composição e aplicação ideal, poderão aumentar sua eficiência energética e transformar os painéis solares, por exemplo, em materiais muito mais eficazes e capazes de gerar energia por vários estímulos diferentes.

Vamos aguardar por novidades. Mas já se trata de uma bela descoberta para esse início de 2017.

#planeta #descoberta #minerio #sustentabilidade #meioambiente #tecnologia #energia #futuro #renovavel #eletricidade #gaia

0 comentário
 
Fabiano Porto 2019 - Copy - Copy (2).jpg

Fabiano Porto

Jornalista cofundador do Instituto Regeneração Global e movido a compartilhar as evidências da transição planetária e a nova consciência de regeneração.

Profissionais do Autoconhecimento

Conheça ferramentas e técnicas oferecidas por profissionais da saúde mental e espiritual para autoconhecimento e expansão da consciência. 

Navegue pelas Categorias

©2021 by Jornalistas da Nova Era.